Escolha uma Página

Publicado em 14/09/2020

O uso de Botox proporciona diversos benefícios no entorno dos olhos, mas é importante que o profissional seja altamente capacitado

De todo o nosso corpo, o rosto é de longe a parte que mais buscamos proteger. Usamos até de reflexos involuntários para levar as mãos aos olhos, ao nariz e à boca diante de determinados “perigos”.
Pois imagine o medo que essas reações provocam ao realizar um procedimento de Harmonização Facial.
As agulhas podem gerar essa sensação de medo, mas o risco mesmo está nos efeitos adversos que uma aplicação mal feita pode provocar na vista.
É preciso certificar-se de que o profissional responsável pelo procedimento seja devidamente capacitado e experiente. Caso contrário, os resultados podem ser bem diferentes do planejado.
A aplicação do Botox no entorno dos olhos tem várias finalidades: a mais comum é para eliminar rugas ou linhas de expressão.
Mas, no caso de uma injeção inadequada, em altas doses, há o risco de comprometer até o fechamento natural das pálpebras, ocasionando o chamado síndrome do olho seco, devido à dificuldade causada em piscar os olhos. Os efeitos causados pela síndrome são: coceira, vermelhidão, inflamação, forte ardência e até a sensação de que há um fragmento “solto” no globo ocular. Além destes, outras adversidades ocasionadas pelo mal uso da toxina podem ser citadas: diplopia (visão dupla), queda da pálpebra superior e assimetrias.
Por isso, é fundamental que o responsável aplique no local certo a dose certa. Ahhh!!!! Também vale muito lembrar: a colaboração do paciente, realizando o pós-operatório da forma correta, também é fundamental, visto que, muitas das vezes, a condução do caso pelo profissional foi impecável, mas o paciente não acatou às orientações. Daí, tudo pode acontecer!
Apesar destas possibilidades serem reais, o que eu tenho para te dizer é que elas são temporárias e existem, SIM, formas de solucioná-las. Ficou mais tranquilo(a) agora, né?!
Outra coisa importante a se lembrar é que, há mais de 20 anos, quando chegou ao Brasil, o Botox era uma grande novidade estética. Mas, naquela época, o produto foi alvo de críticas por outro problema envolvendo a vista: o aspecto de falta de expressão, deixando o rosto com uma aparência paralisada, congelada.
Hoje os procedimentos utilizando a Toxina Botulínica avançaram muito. Até mesmo a quantidade aplicada foi bastante reduzida, e já não corresponde mais àquilo que era utilizado no passado. A preservação dos movimentos naturais da face é um dos requisitos que o profissional de Harmonização Facial procura primar, seja qual for o procedimento.
Além do resultado estético, isso também ajuda a minimizar justamente a possibilidade de ocorrências negativas, como a citada acima.

Botox também beneficia a visão
Por outro lado, o Botox é um poderoso aliado da visão em determinados tratamentos. A Toxina é comprovadamente eficaz, por exemplo, no controle do blefaroespasmo – doença que leva o paciente a piscar os olhos descontroladamente, e que, em casos mais graves, pode levar à cegueira funcional.
A aplicação da Toxina Botulínica reduz as contrações musculares involuntárias que levam ao excesso de piscadas.
Além disso, como já falei antes, ele combate fortemente o surgimento de rugas, linhas de expressão e os “pés-de-galinha” que surgem exatamente ao redor dos olhos.
Tenha a certeza de que você está recorrendo a um profissional altamente capacitado para executar o procedimento de Harmonização Facial. Obedecendo a essa condição, seus olhos tendem a agradecer pela aplicação do Botox.

……………………………………………..contato@drayanabarroso.com.br | 33 3272-8022 | 33 3014-8022 | 33 99825-2894 | Rua Peçanha, 773 – Centro – Governador Valadares – MG

error: Protegido
//

Olá,
É um enorme prazer falar com você. Em que posso te ajudar?